sexta-feira, 25 de novembro de 2011

A Power Balance faliu



Em Agosto de 2010 coloquei este post sobre uma determinada pulseira do equilíbrio Power Balance, pulseira essa que continha os tais “hologramas quânticos de Mylar” (seja lá o que isso for).

A boa notícia para todos (excepto para os burlões que se escondiam por detrás desta “empresa”) foi que a Power Balance faliu, finalmente.

Pelos vistos a falência aconteceu graças aos elevados gastos que teve com o também elevado número de processos judiciais de que foi alvo, já que muitas pessoas viram o post que eu escrevi, os seus cérebros começaram a dar de novo sinais de vida e chegaram à conclusão que a pulseira não era nada mais e nada menos do que um pedaço de borracha. E, como perceberam depois, um pedaço de borracha não fazia nada daquilo que a Power Balance publicitava (não trazia milagres, nem equilíbrio, nem melhorias na performance desportiva, nem nada, a não ser um desequilíbrio orçamental na conta bancária dos burlados).

Parece-me apropriado e até metafórico que as autoridades ofereçam a estes burlões uma “pulseira electrónica” durante o julgamento e depois os prendam na prisão em “Quantico”.

1 comentário:

Magali Viana Martins disse...

Ainda vi alguns com uma Pulseira dessas e lembro-me de pensar "OMFG eu não dou mais que 2 ou 3 € por uma Pulseira normal nos Chinocas e ia dar 30 e tal € por uma "suposta-Pulseira-que-quando-for-para-cair-no-chão-ela-endireita-me-logo-e-nunca-vou-chegar-a-cair-mesmo"??" (Siiim, porque era assim que eu via quem as usava..todas endireitadas,todas equilibradas:)) Preferia cair,literalmente,de cara do que gastar € mal-empregues numa coisa daquelas! E afinal ainda bem que pensava assim!
E depois dessas cheguei a ver a venda em Papelarias e Supermercados imitações a 3€, 5€,10€ e por aí fora!
Parabéns pelo Blog, "gostei" :D

oblodamalaika.blogspot.com