sábado, 17 de outubro de 2009

Componentes milagrosos

Algumas marcas de produtos alimentares, de higiene e de beleza apostam fortemente na divulgação de uns nomes técnico-parvos, espalhafatosos e que não fazem qualquer sentido para tentarem convencer os consumidores a comprarem esses produtos.

Tanto quanto sei esta estratégia teve início com a Actimel, ou pelo menos muito impulsionada por esta marca, com o seu “L. Casei Imunitass” que supostamente protege as nossas defesas. Depois vieram muitos mais, mas vou destacar aqui apenas aqueles mais peculiares:



O creme hidratante Nutritionist da Garnier tem, imaginem só, “Lipopéptidos”. O que seria das mulheres sem cremes com este componente?




Os desodorizantes para homem, também da Garnier, Narta Men IceMAX e Narta Men AbsoluDRY vêm equipados com “Cryo-Menthol” e “ActiRégul” respectivamente. Eu já usei os dois e posso adiantar que o “Cryo-Menthol” e o “ActiRégul” não resolvem o cheiro a “cavalo” produzido pelos meus sovacos.



O gel anti-celulite Bodytonic, também da Garnier, vem com Lipo-Cafeína talvez para que as mulheres possam beber café também pelas nádegas.

Por último e o meu preferido, o gel refrescante para pernas Antistax (para verem que não é a só a Garnier que aposta nestes termos ultimamente) vem equipado com “Flavonóides Venotónicos”. Que raio será isto?

3 comentários:

urze disse...

Assim não dá... Parti-me a rir com este artigo. Supostamente não deveria ser um péssimo artigo?

Este blogue anda demasiado interessante.

AindaPiorBlog disse...

Quando o elaborei pensei que estava a fazer algo muito mau...mas pelos vistos, não. Tenho que ter muito mais cuidado.

morski pas disse...

Ahahahaha, produtos com nomes (muito) cíentificos e que na verdade...nada fazem....
Bom blog:)